Ei, “eu do futuro’ você vai se decepcionar muito ainda

Você tá boladona, né? Se abriu esse texto, tenho certeza que sim. Eu te conheço e muito bem, eu sei que quando alguém te decepciona você acha que não existe mais amor no mundo inteiro, sei que você se sente idiota por fazer tanto pelos outros e no fim a maioria resolve ir embora, eu sei que quando alguém se afasta sem mais nem menos você procura o que de errado você fez e se culpa por cada mínimo detalhe e eu sei que cada palavra de ofensa que te lançam você torna como verdade absoluta.

Mas ei, você não é nada disso e o erro não está em você. Você erra, é humana, mas te garanto que a maioria que se afastou não foi por culpa sua, então para de se culpar e atormentar seu psicológico com isso. Quem partiu não está mais nem ligando se você sofre ou não e você está aí se acabando por quem nem se importa contigo?

Seu coração é puro e é bom demais, eu posso afirmar isso. Ninguém o conhece melhor do que eu mesma, porque eu sou você. Eu sei que você tem as melhores intenções e faz tudo sempre pensando no melhor para cada parte, eu sei que você tomou atitudes que se arrependeu a ponto de se corroer todinha por dentro, eu sei que você não comete o mesmo erro duas vezes, eu sei que você sofre com a partida de cada pessoa, eu sei que você guarda todos os momentos que viveu com cada pessoa na esperança de sentar no sofá com elas de novo num dia qualquer rindo de tudo o que aconteceu… Eu sei que você espera as pessoas de braços abertos, de coração limpo e com uma saudade gigantesca.

Se você abriu esse texto é porque mais alguém te decepcionou e eu preciso te lembrar de algumas coisas… Hoje eu não sei se quem te decepcionou foram seus amigos ou aquela pessoa que está grafada como “amor” no teu coração.

Quantas pessoas já passaram pela sua vida que você teve um amor gigantesco, jurou amizade pelo resto da vida e no fim vocês se afastaram? Eu preciso te lembrar que você já chamou de amigos pessoas que falaram mal de você, duvidaram de ti, espalharam mentiras tuas por aí, te colocaram como última opção, pessoas que falavam contigo só quando precisavam dos teus conselhos… Essas pessoas existem de montes e de cada uma dessas você tirou um devido aprendizado que está guardado contigo, faça o mesmo agora. Não desista de ser quem você é e não desista das pessoas por gente sem afetividade.

Há pessoas que entram na nossa vida para nos ensinar coisas e logo em seguida partem. Li um texto que diz exatamente isso, que há pessoas que são viagem e não o destino, ou seja, tem pessoas que você vai conhecer por diversão, aprendizagem, mas não para ficar no final das contas.

E questão de amor, esse teu coraçãozinho aí não descansa mesmo né? Você queria que as coisas fossem diferentes. Queria um “felizes para sempre”, você queria um conto de fadas da vida real, você queria construir um mundo seu e dele para que vocês morassem sem interferências alheias. Eu sei… Mas ei, você não estava esperando por ele quando ele surgiu na sua vida, você estava numa fase boa, curtindo, aproveitando e seu coração estava leve. Quem sabe não seja a hora de fazer o mesmo por você de novo?

Eu finalizo dizendo que passou da hora já de você fazer por si o que costuma fazer pelos outros, passou da hora de você fechar mais esse teu coração aí e não deixar gente de má fé entrar, passou da hora de você doar tanto de si para os outros, passou da hora de você deixar essas pessoas de lado e cuidar de ti, porque as pessoas vão passar pela nossa vida, no final todos vamos estar no mesmo lugar, mas enquanto estivermos aqui precisamos cuidar mais de nós e do nosso coração para não nos afetar com as decepções que são clássicas da vida.

Comentários no Facebook