Para o meu amor

Algumas coisas acontecem quando menos esperamos. Nas circunstâncias mais improváveis, da maneira mais improvável. Geralmente, é daí que surgem as melhores coisas da vida. Bom, no meu caso, foi exatamente isso. A melhor coisa da minha vida apareceu do nada, sem dar pistas, sem avisar, dentro de um ônibus.

Nunca vou me esquecer quando olhei pra frente e te vi ali, com aquela blusa quadriculada, short jeans, tênis preto, óculos e cabelo preso num coque. Uma franja caía pelo rosto, e logo abaixo vinham as sardinhas. Como não me apaixonar? Na mesma hora, tratei de correr atrás. Depois de uma foto, uma mensagem na rede social e alguns dias de espera, você chegou. Passado alguns dias, estávamos ficando. Na semana seguinte, estávamos namorando. E eu? Eu me sentia o cara mais feliz do mundo, e ainda me sinto. O cara mais feliz do mundo por ter uma namorada maravilhosa ao meu lado. Uma mulher linda, inteligente, que batalha pelo o que quer e que faz de mim, todos os dias, uma pessoa melhor. Um homem melhor.

Eu só tenho a te agradecer, por ser quem você é. Eu estou com você. Hoje e pra sempre. Vamos juntos, e vamos bem.

Post anteriorNunca fui boa para despedidas
Próximo postAlerta Perigo: Ela é leonina
Sabe aquele gordinho que ama pizza e passa o dia assistindo desenhos da sua época de criança? Esse cara sou eu. Escritor, baixista, rabiscado e venerador da pituca (namorada).
Compartilhar

Comentários no Facebook